quarta-feira, 1 de agosto de 2007

Fotógrafos...

Deixa ver se eu explico isto sem ofender ninguém. Aquando do recente campeonato nacional de pista, reparei em algumas pessoas com acreditação de media, que circulavam pelas zonas onde as várias provas iam tendo lugar. Isto nada teria de estranho, se essas pessoas não andassem com umas máquinas compactas, aquelas pequenitas, acessíveis a todos. Já sei que não é a máquina que faz o fotógrafo, mas lá que ajuda, disso não tenho dúvida Eu, com uma Nikon D50, que não é nada por aí além, embora melhor do que uma compacta, não consegui fotografar nada de especial. Pelo menos das 200 que tirei, guardei cerca de 40 fotografias. Para quem não sabe, a este processo de eliminação chama-se edição. É algo que não vi, em alguns sites, com imagens do campeonato. Se há fotos quase idênticas, porque é que insistem em colocar todas? É para dizer que tiraram muitas? A quantidade não significa qualidade, como está demonstrado. Em alguns casos, com várias pessoas a tirar fotos, não seria mais fácil dividirem-se entre as várias provas? Não! Concentram-se no mesmo local, captam precisamente a mesma coisa e disponibilizam nos sites. Tudo bem! Cada um segue a política que acha ser a mais acertada.

2 comentários:

Vitor disse...

Acrescento mais:
sendo pessoas que conhecem bem o meio não deveriam atrapalhar a tarefa de colegas e provas como por exemplo meterem-se à frente dos "colegas" fotografos que tentavam a sua imagem para uma publicação ou atravessarem a pista no meio de provas a decorrerem.

Além do mais eu julgava que a creditação era dada a fotografos com a carteira profissional. Sendo assim não custa nada tentar eu ir pedir uma creditação nas próximas provas.

Imaginem se eles tivessem uma D2HS (8 fotos por segundo!), teriamos de ver 50 fotos de cada salto em comprimento?

Em suma, que eles tenham creditação e tirem um numero elevado de fotos é com eles mas assim sendo qualquer um pode ter a mesma dita creditação.

Carlos disse...

Por só agora ter visto este post e o de cima gostaria de clarificar algumas coisas:
1. Porque elementos do www.ammamagazine.com aparecem nas fotos, com máquinas "de brincar", não significa que sejam menos profissionais.
2. A decisão de não editar as fotos e colocar no ar grande quantidade, sem o cuidado especial de apagar as repetições etc, é da única responsabilidade do responsável editorial da publicação.
3. Ao que parece, por desconhecimento de quem escreve, os colaboradores (assim identificados pela entidade proprietária da publicação) têm os mesmos direitos de captação de imagens e recolha de informação que todos os jornalistas. Como saberão, o(s) responsável(eis) por uma publicação (ainda que on-line) têm obrigatóriamente carteira profissional.